Tels: Sede Taguá: (11) 2185-7100 | Sede Barra Funda: (11) 3218-4350 Cásper Líbero: (11) 2189-7300

Histórico

Um pouco da história do Sinthoresp

Quando se deseja saber, com autenticidade, o que aconteceu em determinado período da história, nada melhor do que ouvir o relato de alguém que participou dela. Partindo desse princípio, fomos à fonte para conhecer um pouco mais da história do Sinthoresp. Ninguém mais indicado para isso do que o Sr. Francisco Calasans Lacerda, presidente do Sindicato.

Os primeiros contatos com o Sindicato
Ex-garçom do Hotel Jaraguá, Sr. Calasans conhece o Sinthoresp desde a década de 60, quando o presidente era o Sr. Luiz Cristofoletti. Comunista, Cristofoletti foi deposto pelo regime militar. Nessa época, houve uma intervenção no sindicato e, algum tempo depois, novas eleições para presidência e diretoria. Foi então que o Sr. Calasans se associou ao Sinthoresp. Em 1969, já sob a presidência do Sr. Jaime Alves Mira, o sindicato sofreu nova intervenção. Ao contrário da primeira, essa intervenção ocorreu por problemas de ordem administrativa, e não ideológica. Foi nomeada uma junta governamentícia, formada por um inspetor do trabalho e dois companheiros da classe, que apurariam as irregularidades. Mas um desses companheiros se deixou corromper e deu continuidade à má administração anterior, desmoralizando a classe e, por conseqüência, o sindicato. Nessa época, Sr. Calasans nem aparecia no Sinthoresp pois, na posição de associado e trabalhador, também se desiludira com os acontecimentos.

O comando do Sindicato
Não só o Sinthoresp, mas vários outros sindicatos, estavam sob intervenção. Sofrendo duras críticas, o governo militar cedeu e liberou parcialmente o sindicato, que ainda não havia sanado todos os seus problemas administrativos. Formou-se outra junta governamentícia, só com companheiros da classe. Essa junta selecionou dez nomes entre os associados julgados capazes para comandar o sindicato. Foi então que o Sr. Francisco Calasans Lacerda, em 1972, foi indicado e nomeado presidente da junta. Como companheiros do Sr. Calasans, na árdua tarefa de recuperar a credibilidade do sindicato, estavam seu colega do Hotel Jaraguá, Mário de Souza, que foi nomeado tesoureiro, e o Sr. Gilberto, que o acompanha até hoje.
Dando continuidade ao trabalho da junta inspetora, eles sanaram todas as dívidas do sindicato (que não eram poucas) e começaram o processo de expansão do Sinthoresp.

Conquistas
De 1972 até hoje, os progressos do sindicato não pararam. Não é a toa que, atualmente, é o maior sindicato da América Latina no segmento. Na época em que o Sr. Calasans assumiu a presidência do Sinthoresp, havia apenas 9 funcionários. Hoje em dia, há mais de 300. E não foi só o contingente de funcionários que aumentou. A área de atuação do sindicato também cresceu bastante. Este, aliás, é uma capítulo da história do sindicato que exigiu muita luta, por parte de seus dirigentes, para que pudesse ser concretizado. A diretoria e a presidência do Sinthoresp acreditavam, por unanimidade, que a convenção da categoria deveria ser a mesma em todo o Estado. Para se ter uma idéia, quando a área de atuação do sindicato restringia-se só à capital, os salários da categoria na cidade de São Paulo tornaram-se quase o dobro dos valores praticados em Guarulhos, cidade vizinha, graças à batalha do sindicato. Pensando nisso, os dirigentes do Sinthoresp fizeram campanha junto à Federação (da qual eram diretores), em prol da expansão da área territorial e de atuação do sindicato. A Federação se opôs à idéia, pois preocupava-se apenas com a arrecadação da mensalidade dos associados, e os expulsou da diretoria da entidade. Sem se deixar abalar, os dirigentes do Sinthoresp arregaçaram as mangas e puseram em prática seu plano de criação de subsedes. Hoje, além da sede central, no bairro da Liberdade, o sindicato está representado em Santo Amaro , Mogi das Cruzes, São Miguel Paulista, Osasco, Guarulhos e Atibaia. Em 2006, foi inaugurado o Centro de Atendimento Cásper Líbero, onde funcionam nossos departamentos médico, odontológico, social e aposentados, a escola de hotelaria e parte do jurídico.
E as conquistas do Sinthoresp não pararam por aí. Pensando no lazer de seus associados, foram criadas 3 colônias de férias em algumas das principais praias do litoral paulista: Praia Grande, Peruíbe e Caraguatatuba.

Os Departamentos do Sindicato
A criação dos diversos departamentos do sindicato também é parte fundamental dessa história de progresso do Sinthoresp. Quando o Sr. Calasans assumiu o sindicato, o médico que atendia aos associados ia à sede central apenas uma vez por semana, caso houvesse pacientes. Hoje em dia, o Departamento Médico e Odontológico atende mais de mil pessoas mensalmente, aqui na Capital, e mais centenas de pessoas em suas subsedes. Outros departamentos bastante procurados no Sinthoresp são o Jurídico, Assistência Social e Aposentados e Bolsa de Empregos, que prestam serviços de fundamental importância aos trabalhadores da categoria.
Segundo o Sr. Calasans, um dos maiores feitos do sindicato é conseguir reverter a arrecadação em cada vez mais benefícios para os associados, como a construção do Hotel-Escola e a reforma da colônia de férias de Peruíbe, sem que isso acarrete em aumento de mensalidade. Só com uma administração séria e preocupada com a prestação de serviços cada vez mais qualificados e modernos para seus associados é que se consegue trabalhar no limite de verbas e, mesmo assim, aprimorar constantemente os serviços oferecidos.

A filosofia do Sindicato
A postura do Sinthoresp é de defender a classe, mas sem radicalismos. Isso implica em haver, da melhor maneira possível, um entendimento entre capital e trabalho. Dessa forma, segundo Sr. Calasans, o sindicato trabalha como um “construtor social”.
Mas para ele, o que realmente atrapalha, algumas vezes, é o radicalismo da classe patronal, que no Brasil é formada por uma elite que não abre mão de uma postura escravocrata. Apesar de protegidos por uma legislação trabalhista considerada como uma das mais completas do mundo, os trabalhadores vêm sendo prejudicados pela falta de cobrança, por parte das autoridades, de todas as leis que regem a relação empregado x patrão e pelo abuso patronal a essas leis. Cientes da morosidade do sistema e das formas de burlar ou dificultar a resolução dos casos trabalhistas, patrões, cada vez mais, preferem apelar à decisões judiciais do que resolver, amigavelmente, questões relacionadas ao trabalho. Pelo combate à tudo isso, o sindicato e seus representantes nem sempre são bem quistos nas empresas, apesar de manter a relação de respeito.

O maior sindicato da América Latina no segmento.
Os setores de bares, restaurantes e hotelaria estão em contínua expansão aqui no país. Isso contribui para que o Sinthoresp, que é o sindicato da categoria, cresça na mesma proporção, tornando-se, assim, o maior sindicato da América Latina na atualidade. Mas esse não é o único fator que explica a dimensão de nosso sindicato. A seriedade da diretoria, o apoio crescente da classe e a conscientização dos associados são fundamentais para esse desenvolvimento constante.

Praticar a Pluralidade dentro da Unicidade: esse é o lema
Para o Sr. Calasans, a postura democrática do Sinthoresp é um de seus maiores orgulhos e principal responsável pela interação entre a categoria e o sindicato. Diferentes ideologias são tratadas sem preconceitos e, até, bem vindas. Ele próprio, um Getulista convicto, relaciona-se diariamente com Petistas, Malufistas e Comunistas, aproveitando as diferentes idéias de cada um para agregar forças e seguirem, todos, em um mesmo caminho, buscando o bem do sindicato e seus associados. Toda a diretoria do Sinthoresp, por unanimidade, é favorável à unicidade sindical. Ao contrário do pluralismo, defendido por alguns sindicalistas, a unicidade faz com que a voz do sindicato seja uníssona e que todos marchem para um objetivo em comum.

© 2017 SINTHORESP - Sede Central - Rua Cruzeiro, 442 - Barra Funda - CEP: 01137-000 - São Paulo/SP - sinthoresp@sinthoresp.org.br
Atendimento Jurídico aos Trabalhadores: Sede Central e Centro de Atendimento Cásper Líbero - Desenvolvido por For System